quinta-feira, junho 17, 2010

Deputados que assinaram PEC da Cachaça querem processar o CQC


A nota saiu ontem no Correio Braziliense. Os Deputados que assinaram a PEC da Cachaça na Cesta Básica sem ler, se incomodaram com a exibição das imagens no CQC de 2ª feira e ainda ganharam um aliado: José Genoíno. O Presidente da Câmara estuda normas para que os entrevistados autorizem ou não a exibição da sua imagem nos programas. Até ai, tudo bem. O que não dá é para colocar a culpa no CQC pelas lambanças que eles fazem por ai. Acho que ninguém, nos dias de hoje, assinam documentos sem ler. A não ser os nosso nobres deputados...

Na nota, os comentários mostram que existe sim brasileiros que não confabulam com estes absurdos que são ditos e feitos no Congresso Nacional:

Eduardo Sousa : O CQC está de parabéns por denunciar a falta de comprometimento e respeito com a sociedade que estes governantes tem cometido. O certo é ler antes de assinar e não o contrario, alegando constrangimento da casa. CQC continuem com o ótimo trabalho!!

Fernando Miranda : Bem se vê de onde veio a notícia: Agência Câmara. Os caras constrangem a gente com todas as sandices e imbecilidades, com a total capacidade e incompetência para legislar e agora vêm reclamar que um programa que coloca a cara deles para levar os tapas que merecem deve sofre "censuras".

paulo junior : Eu proibo o congresso brasileiro tentar restringir de qualquer maneira um programa humoristco do CQC, porque eles estão lá representando o povo e eu faço parte do povo brasileiro.Quem tiver rabo preso que renucie.

vinicius morais: Constrangimento maior é ter de suportar as sandices e extravagâncias desses senhores. Percebe-se o comprometimento e a seriedade com que os representantes (não sei de qual povo) analisam e apóiam causas que lhes são, via de regra, completamente alheias. A presença do CQC, ao menos, expõe essas coisas

Daianne Rocha: Engraçado, quando aparece um programa pra mostrar quem são realmente os parlamentares e eles vão tentar coibir....um verdadeiro absurdo.... 

Rosângela Garcia: Gente, esse CQC está sendo de uma crueldada sem fim! Daqui a pouco vai ter Deputado em depressão, Assessor cometendo suicídio ou quem sabe coisa mais grave.... Pedido de afastamento não remunerado para tratamento de caráter!

Rodney Carvalho :Não vejo nenhum deputado constrangido depois de meter a mão em dinheiro público! tadinhos.. 










Câmara recomenda normas para evitar constrangimento de parlamentares por jornalistas
(NANCY DUTRA DE BRASÍLIA)

O presidente interino da Câmara, Marco Maia (PT-RS), recomendou à assessoria jurídica da Casa que defina normas para evitar o constrangimento de parlamentares por parte de jornalistas.

Maia manifestou solidariedade ao deputado Nelson Trad (PMDB-MS), que agrediu uma equipe do humorístico "CQC", da Band.

Ao ser abordado por equipe do programa, na semana passada, Trad se exaltou após saber que subscrevera um abaixo-assinado para incluir um litro de cachaça no Bolsa Família.

Uma contratada do "CQC" coletou assinaturas de apoio a uma proposta fictícia de emenda à Constituição.

Na confusão, um cinegrafista teve parte do equipamento danificado. A repórter Monica Iozzi chegou a ser empurrada. As imagens foram ao ar na segunda-feira.

"Ao não querer falar, o deputado é constrangido pelos veículos de comunicação. Há excesso por parte de alguns jornalistas. Temos de tomar algumas medidas institucionais", disse o presidente interino da Câmara.

Segundo Marco Maia, as ações devem preservar a liberdade de imprensa, mas assegurar o direito dos deputados de não autorizarem o uso de imagens pelos programas de humor.

A assessoria de imprensa da Câmara afirmou que sempre liberou a entrada de programas como "CQC", "Pânico na TV" (RedeTV) e "Legendários" (Record), mas que é necessário "mais diálogo" com essas equipes sobre as formas de abordagem dos deputados.

Em discurso no plenário, Nelson Trad reclamou da conduta do "CQC". "Não tem necessidade de eu pedir desculpas aos meus companheiros, porque eu reagi legitimamente em defesa da minha dignidade. Não defendo só a mim, mas a própria instituição a que pertenço há mais de 30 anos", afirmou.

Ele recebeu o apoio do colega José Genoino (PT-SP). "Também tenho passado por essas situações. Conto até 10 para não falar. E passo reto. A coisa está chegando a um ataque individual", disse.

Em suas páginas no Twitter, apresentadores do programa criticaram a decisão de Maia. "A Câmara quer proibir o CQC de 'constranger' os deputados. Pelo jeito, não querem concorrência", disse Rafinha Bastos. Para Marcelo Tas, o "CQC mostrou como ninguém lê o que assina no Congresso".

Fonte Folha.com

Nota no Correio Braziliense.
Mais uma nota no Blog do Noblat http://oglobo.globo.com/pais/noblat/posts/2010/06/17/camara-pode-procesar-cqc-por-causa-da-pec-da-cachaca-300754.asp

Em Tempo: nos EUA o Brasil foi criticado por censura do governo à liberdade de imprensa http://portalimprensa.uol.com.br/portal/ultimas_noticias/2010/06/17/imprensa36351.shtml

Daqui a pouco veremos a notícia: Ditadura é o novo regime político adotado pelo Brasil. 

Update: O deputado Marco Maia postou em seu blog:
Quanto aos questionamentos no twitter e na imprensa de que eu estaria censurando o trabalho do CQC, esclareço que:

Hoje, durante sessão no plenário, enquanto Presidente da Casa- após um deputado se manifestar sobre um incidente ocorrido com a equipe do CQC nesta Segunda-feira, dia 14 e pedir providências da Câmara- solicitei, à assessoria jurídica da Casa, um estudo para compreender o processo, com o objetivo de assegurar o direito de expressão dos profissionais jornalistas que acompanham os trabalhos na Câmara, mas também garantir que os parlamentares possam optar por dar entrevistas ou não.

De forma alguma pretendo tolher o trabalho dos profissionais do CQC ou de qualquer outro jornalista. O intuito do estudo jurídico é evitar possíveis atritos entre profissionais de imprensa e parlamentares, garantindo respeito mútuo entre ambos, resguardando aos parlamentares a opção em não dar entrevistas e não serem molestados pela negativa em falar com a imprensa e também aos jornalistas de fazerem seu trabalho.
http://www.blogdomarcomaia.com/?permalink=TXpVeUwzTT0=

Nome dos Deputados que assinaram a PEC da inclusão de 1 litro de Cachaça na Cesta Básica do brasileiro:

Eduardo Valverde PT / RO
Félix Mendonça DEM / BA
Lupércio Ramos PMDB / AM
José Tatico PTB / GO [o da bunda]
Julio Delgado PSB / MG
Nelson Trad PMDB / MS [o que agrediu a equipe do CQC]
Deputado Federal Chico Rodrigues PFL / RR

Deputado que não assinou :
João Dado PDT / SP  

Agradecimentos ao nosso leitor Paulo Travassos que identificou o deputado Chico Rodrigues para nós!
O leitor também nos alertou que na 2ª feira afiliada da Band em Boa Vista RR foi tirada do ar. Só quem tinha parabólica pode assistir ao CQC100. Esperamos que o Deputado e candidato a vice governador de Roraima, Chico Rodrigues, que assinou a PEC da Cachaça, nada tenha a ver com o caso.

Matéria na íntegra da agressão do deputado Nelson Trad a Equipe do CQC




Posted By: Viviane Pereira

Deputados que assinaram PEC da Cachaça querem processar o CQC

Share:

Post a Comment

Facebook
Blogger

17 comentários:

  1. Excelente matéria. O papel do CQC é esse mesmo, mostrar a cara desses deputados que dizem 'trabalhar pelo povo'. E abaixo à censura!

    ResponderExcluir
  2. A nossa "sorte" é que o Congresso e o Senado são tão inúteis que eles próprios tão tem condições de fatalmente criarem alguma medida restritiva ao CQC. Fizeram isso em 2008, logo no comecinho do programa, e todos nós sabemos que efeito surtiu a proibição do Congresso na época.

    E, esse mesmo tipo de notícia já aconteceu no passado. Lembro-me, na ocaisão, o ilustre deputado Sérgio Moraes, após dizer coisas como "gaúcho viado" (?) e "quem era aquele viado que tu tava de beijinho" pro Gentili, entrou no Plenário, acusou o CQC de ser desrrespeitoso e pediu medidas para o presidente da câmara, o Pmdebista Michel Temmer, que, da forma mais paradoxal e surreal possível, é hoje vice da Dilma para a presidência.

    A únião PMDB-PT é algo como "os corruptos da ditadura se unem aos corruptos da nova democracia".

    ResponderExcluir
  3. Aliás, aproveitando o gancho, vocês viram essa outra notícia?!

    http://www.capitalnews.com.br/ver_col.php?artigo=lista&idArt=1201&idCol=225&nomeCol=Marco%20Eus%C3%A9bio&cat=Colunistas

    Aliás, o engraçado é que sempre que há uma tantiva que restringir o trabalho da imprensa, há a mão do PT por trás. Não que o PT seja pior do qualquer outro partido, mas é hilário quando se pensa no que o PT, o grande defensor da democracia, dos fracos e dos oprimidos, se tornou. E, por consequência, nas verdadeiras plataformas políticas da esquerda que os sindicatos (ou mais corretamente, máfias) se tornaram.

    A política por tabela é inútil e nocisa. Mas a política brasileira parece estar um passo além disso.

    ResponderExcluir
  4. A Monica parece ter abordado todos de forma igual. O que ela teria feito para desrespeitar o excelentíssimo deputado? Eu não acredito que ela desrespeitaria nem ele. E outros deputados, até tendo errado ao assinar algo que não leram levaram de boa, sem stress.

    ResponderExcluir
  5. Pra esclarecer, o deputado que assinou mais que a legenda com o nome nao aparece no video (5:33) é o Deputado Federal Chico Rodrigues, que agora é candidato a Vice do atual governador de Roraima, e mais uma coisa, no dia da exibição do programa aqui em Boa Vista - RR, a TV foi tirada do ar, só quem tinha parabolica assistiu.

    ResponderExcluir
  6. EM NOME DOS SUL-MATOGROSSENSES PEÇO MIL DESCULPAS A MONICA IOZZI E A VOCÊS DO CQC. PELO COMPORTAMENTO RIDÍCULO E GROSSEIRO DO POLÍTICO NELSON TRAD, ELE NAO E UM REPRESENTANTE DO NOSSO POVO. ELE NAO AGREDIU SO A MONICA IOZZI; AGREDIU A TODOS DO CQC E AO POVO DO MS. EU PEÇO MIL DESCULPAS NAO PELO POLITICO, MAS PELO POVO DO ESTADO QUE ELE SUJOU A NOSSA HONRA E INTELIGÊNCIA E NOS ENVERGONHOU GRANDEMENTE. DESCULPAS AO PESSOAL DO CQC. E NAO SE DEIXEM INTIMIDAR POR ESSAS ATITUDES SE ELES AGEM ASSIM E POR QUE TEM MUITO A ESCONDER.

    COM CARINHO ERICA.

    ResponderExcluir
  7. O QUE É ISSO? Isso é ditadura! Cade a liberdade de expressão? O programa foi tirado do ar no estado, porque iria mostra o político de Roraima assinando aquilo, esses caras estão querendo processar o CQC. Ah, vai pra casa do chapéu! Que é isso, meu!

    ResponderExcluir
  8. CQC é tão importante quanto uma pedra!

    ResponderExcluir
  9. O Deputado Julio Delgado é da minha cidade JUIZ DE FORA.
    Quero agradecer ao nobre deputado pela seriedade com que trabalha em prol da população.
    E quero externar ao meus irmãos brasileiros.
    Tenho VERGONHA de respirar o ar de JUIZ DE FORA.
    Apesar de ter pessoas trabalhadoras, somos lembrados no cenário NACIONAL, por atuações desgraçadas de pessoas que essa cidade ajudou a eleger.
    Eu como juizforano lamento as essas aberrações.
    Nos desculpem BRASIL.

    ResponderExcluir
  10. Engraçado que parlamentares são "funcionários" PÚBLICOS, trabalham pelo bem PÚBLICO, deveria agir em prol do PÚBLICO e todos os seus atos e serviços devem ser considerados atos PÚBLICOS. Mas, parece que eles querem meter a merda deles no ambito privado.

    ResponderExcluir
  11. Por essa e outras os BRASILEIROS estão revoltados.Quando o LULU foi eleito pela primeira vez todos tinham esperança que as coisas mudassem, mas no entanto só pioraram, numa época de pão e circo ou melhor bolsa familia/minha casa minha vida e midia, novelas etc.

    MINHA VONTADE ERA PILOTAR UMA CARRETA CARREGADA COM BOMBAS E LANÇAR CONTRA O CONGRESSO EM DIA DE VONTAÇAO DE AUMENTO DE SALÁRIO DELES. SAFADOS, VAGABUNDOS, BANDIDOS..... VAO TODOS PARA O INFERNO....

    ASS: CHARLES CANDIDO

    ResponderExcluir
  12. "Brasileiros revoltados" é boa... Não estou vendo nenhum movimento "cara pintada" nas ruas pedindo por honestidade na política ou coisa que o valha!

    Eu gostaria de estar errado mas, pelo visto, não estou. Gostaria que essa revolta se refletisse nas eleições, mas pelo visto não veremos isso acontecer. O povo fica com esse discurso pre-eleição e chega na hora todo mundo vota nos mesmos ignorantes incompetentes...

    ps.: se precisar de ajuda com suprimentos "tamo junto"....

    ResponderExcluir
  13. welbertt ribeiro MG24/06/2010 16:12

    é muito bom ver que alguem não se acorvada em meio de ameaças feitas pelos "nobres" politicos continuen assim, faça valer a lei da ficha limpa agora que votada e aceita( até quando) verificar todos que nao podem se candidatar, pra ver se esta funcionando esta bentida lei. obrigado CQC

    não somos fracos sozinhos

    ResponderExcluir
  14. "Rosângela Garcia: Gente, esse CQC está sendo de uma crueldada sem fim! Daqui a pouco vai ter Deputado em depressão, Assessor cometendo suicídio ou quem sabe coisa mais grave.... Pedido de afastamento não remunerado para tratamento de caráter!"

    --> bem que podia acontecer!!! eles mesmos limparem a sujeira que fizeram morrendo!!

    ResponderExcluir
  15. assinaram agora num tem mais volta

    ResponderExcluir
  16. Sua Bunda!
    Sua Bunda!
    Sua Bunda!
    Se eu você da equipe do CQC eu mencionava sobre o clima de Brasília ao nobre dep federal Tatico, dizendo que num calor desses como sua bunda.

    ResponderExcluir
  17. Só pra lembrar que não só os nobilíssimos deputados assinam sem ler; manchete de jornal de hoje:
    "Dilma admite que assinou sem ver"

    ResponderExcluir

Orientações para a postagem de comentários do CQC Blog

Follow Us

Arquivo do Blog

Comunidade CQC Brasil

Postagens Populares

© CQC Blog - Custe o Que Custar All rights reserved | Theme Designed by Seo Blogger Templates